Arquivos do Blog

Café, exercícios e assoar o nariz são principais gatilhos de derrames, sugere estudo

Café encabeça lista de fatores que causam derrames, diz estudo Leia o resto deste post

Hipertensão: Associação reivindica legislação e apoio à indústria alimentar para reduzir consumo de sal

(Lusa) – O presidente da Associação Portuguesa de Hipertensão (SPH) reivindicou hoje no Porto medidas legislativas e de apoio à indústria alimentar para se obterem mudanças de hábitos no que se refere ao excessivo consumo de sal em Portugal. Leia o resto deste post

Chocolate no combate contra AVC’s

Além de saboroso, o chocolate pode ajudar a combater o risco de um acidente vascular cerebral.

Um pouco de chocolate todas as semanas pode ser uma forma de ajudar a combater o risco de sofrer um Acidente Vascular Cerebral (AVC). Será também uma forma de acelerar a recuperação de pacientes que sofreram uma isquemia cerebral. A descoberta terá sido feita por pesquisadores canadianos e deverá ser apresentada em Abril no encontro anual da Academia Americana de Neurologia. Continue lendo…

AVC em mulheres jovens avança no País

Em um ano, casos em menores de 50 anos subiram 5,6%

Dor de cabeça intensa e visão borrada podem ser sintomas do AVC

As pesquisas científicas – nacionais e internacionais – já mostraram evidências concretas de que o sedentarismo, alimentação inadequada, obesidade, uso de drogas e estresse tornaram o acidente vascular cerebral (AVC) uma ameaça mais precoce, que não pode ser mais associada só aos pacientes que passaram dos 60 anos.

Continue lendo…

O sal e as doenças cardiovasculares

O grande vilão não é o sal acrescentado no preparo dos alimentos mas sim, aquele presente nos alimentos processados e industrializados.A mudança de hábitos alimentares é uma modificação do estilo de vida que pode melhorar de forma significativa os fatores de risco das doenças cardiovasculares. Além disso, se pararmos para pensar, é uma intervenção de menor ônus quando comparada ao custo dos tratamentos medicamentosos.

A atual recomendação da organização Mundial de Saúde (OMS) é que o consumo diário não exceda 6 gramas por dia de sal, o que equivale a uma colher de chá. No entanto, o consumo está muito além disso. Continue lendo…

%d blogueiros gostam disto: